Município de Almodôvar

Notícias

O Município de Almodôvar aconselha: proteja-se do frio intenso

O Município de Almodôvar aconselha: proteja-se do frio intenso

Durante a segunda quinzena de novembro verificaram-se temperaturas inferiores aos valores normais para a época. Nos próximos dias, pelo menos até dia 13 de dezembro, prevê-se a continuação de temperaturas mínimas baixas, inferiores a 5ºC em quase todo o país. Nas regiões do interior, como a de Almodôvar, é esperada a formação de geada e a ocorrência de vento frio, o que aumentará a sensação de desconforto térmico.

O Município de Almodôvar lembra que a exposição ao frio pode ter consequências graves para a saúde, aconselhando os seus munícipes a:

Em casa:

  • Mantenha uma temperatura entre os 19ºC e os 22ºC para evitar enregelamentos e hipotermias;
  • Tenha muito cuidado na utilização de lareiras e aquecedores elétricos, mantenha a casa arejada para evitar a acumulação de gases;
  • Não utilize fogareiros a carvão em sítios fechados ou mal arejados;
  • Evite dormir/descansar muito perto do aquecimento;
  • Evite permanecer em locais fechados e com grande concentração de pessoas, onde se podem transmitir vírus como o da gripe.

Procure manter-se em casa ou em locais quentes. Se tiver de sair, na rua:

  • Proteja a cabeça, os pés e as mãos do frio;
  • Conserve-se seco e longe do vento;
  • Evite a entrada de ar frio nos pulmões;
  • A pé ou de carro, tenha cuidado com áreas onde se podem formar camadas de gelo para evitar acidentes e quedas. Evite as deslocações de carro – faça apenas as estritamente necessárias;
  • Pratique exercício, mas evite atividades físicas intensas ou ao ar livre.

O uso de roupa adequada é fundamental:

  • Vista-se por camadas, preferindo várias camadas de roupa a uma só peça de tecido grosso;
  • Prefira roupas leves, isolantes e de secagem rápida;
  • Evite roupas muito justas ou que o façam transpirar.

A alimentação pode ajudar a suportar o frio:

  • Ingira muita água, bebidas quentes e sopa, coma com mais frequência;
  • Se a sua saúde o permitir, ingira alimentos calóricos, como chocolates e frutos secos, que aumentam a resistência ao frio, coma alimentos ricos em vitaminas e sais;
  • Evite bebidas alcoólicas que causam vasodilatação com perda de calor e arrefecimento do corpo.

Tenha especial atenção com os grupos mais vulneráveis: bebés e pessoas idosas têm menos capacidade de lidar com o frio intenso; pessoas sós e isoladas não têm a quem recorrer em caso de emergência.

No caso dos bebés:

  • Mantenha os hidratados aplicando-lhes protetor labial e redobre a atenção com limpeza da baba, característica desta fase da vida, de forma a evitar que as roupas da criança fiquem molhadas;
  • Vista várias camadas finas de roupa e adapte conforme a temperatura do local/momento e use toucas, meias e luvas adequadas para evitar perda de calor;
  • Não exagere na temperatura da água do banho, use sabonete e shampoo sem álcool e passe creme hidratante no rosto do bebé cerca de 2 minutos após o banho, para evitar que a pele resseque. Antes do banho, pré-aqueça o local do banho para evitar choques térmicos. Depois do banho, seque o seu bebé numa toalha aquecida;
  • Se a temperatura do seu bebé baixar dos 36ºC envolva-o num cobertor com o rosto descoberto e leve-o ao centro médico mais próximo.

No caso dos idosos:

  • O metabolismo dos idosos é mais frágil, reagindo de forma menos positiva a doenças e infeções. É fundamental evitar o contacto com indivíduos infetados e a presença em espaços fechados;
  • Na prevenção de doenças que podem trazer complicações graves, a vacinação é fundamental – tanto no caso prevenção da gripe (vacinação anual), como no caso da pneumonia (deve ser feita de 5 em 5 anos), ao surgimento dos primeiros sintomas de doença procure uma unidade de saúde;
  • Redobre a atenção com doenças cardíacas – o frio pode agravar os sintomas da angina de peito, aumentando a tensão arterial e o risco do idoso ter um acidente cardiovascular;
  • Redobre a atenção com doenças respiratórias – o frio agrava a asma, o efisema e a doença pulmonar obstrutiva crónica, e pode favorecer o aparecimento de pneumonias;
  • As quedas, principalmente entre os idosos menos capazes fisicamente, são mais frequentes no tempo frio;
  • Incite-os a beber muita água e manter uma alimentação equilibrada, regada de frutas, verduras e legumes;
  • Incite-os a praticar exercícios físicos para ajudar a manter o corpo forte e com o sistema imunológico forte.

No caso de pessoas sós/isoladas:

  • Familiares e vizinhos têm um papel determinante – se conhece alguém nestas circunstâncias, faça um telefonema ou estabeleça qualquer outro contacto pelo menos uma vez por dia;
  • Certifique-se que se encontram bem de saúde e em condições de conforto.

Como em tudo, também na ocorrência de frio intenso a prevenção é fundamental. Mantenha-se atento às informações das Autoridades de Saúde, Proteção Civil e Instituto de Meteorologia. Consulte e descarregue os conselhos do Serviço Nacional de Bombeiros e Proteção Civil aqui. Para mais informações ou quaisquer questões sobre a autoproteção em relação ao frio intenso, contacte a Câmara Municipal de Almodôvar através do 286 660 600.