Município de Almodôvar

Notícias

Severo Portela Júnior

Severo Portela Júnior

 

Severo Portela Júnior nasceu em Coimbra, na freguesia de Santo António dos Olivais, a 10 de setembro de 1898. Filho de Miquelina de Figueiredo Penalva Leite Pereira Jardim e do escritor Severo Portela, era neto materno dos 2.ºs Viscondes de Monte São, Cipriano Leite Pereira Jardim e Felismina Albertina de Figueiredo Penalva.

Cursou Escultura com distinção na Escola de Belas Artes de Lisboa, tendo sido considerado pelo Mestre Simões de Almeida (Sobrinho) como uma revelação e um dos seus melhores discípulos.

Casou muito novo com Maria José Carrilho Marreiros e, por esse motivo, veio viver para Almodôvar em 1920. Foi aqui, porque a escultura lhe estava menos acessível e as gentes alentejanas, com a sua raça, costumes locais e indumentárias o empolgaram, que se tornou pintor. A vida de lavrador que assumiu, calcorreando os campos que administrava, permitiu-lhe conhecer a terra e as gentes, que tantas vezes seriam a sua inspiração em magníficas telas pintadas a óleo. Mesmo não sendo filho da terra, tratou-a como sua, engrandecendo-a com o seu trabalho e com o património artístico que lhe deixou.

Faleceu em Lisboa, no Hospital de Santa Maria, no dia 8 de Julho de 1985, e ficou sepultado em Almodôvar, onde passara os últimos anos da sua vida. Representado em vários museus um pouco por todo o País, Severo Portela é continuamente evocado em Almodôvar, terra que amou, onde quis ser sepultado e à qual doou grande parte da sua produção pictórica.